15/01/2024 às 16h20min - Atualizada em 15/01/2024 às 20h02min

Ministério da Cultura e Santander Brasil apresentam décima edição do Festival Música em Trancoso

Evento conecta a OSBA (Orquestra Sinfônica da Bahia) à grandes artistas da música e movimenta a comunidade baiana por meio do incentivo à música clássica nacional

Tainara Mistrello Neman
divulgação


Entre os dias 4 (segunda-feira) e 9 (sábado) de março acontece o Festival Música em Trancoso, que chega a sua décima edição em 2024. Criado para ser um instrumento de transformação cultural para a região, o projeto, idealizado por Reinold Geiger, visa incentivar a música brasileira. Tendo como sede o Teatro L'Occitane, uma verdadeira obra de arte projetada especialmente para receber o evento, este ano, a celebração de sua décima edição contará com uma programação especial que enaltece a música popular brasileira. O maestro Carlos Prazeres, que nessa edição além de reger a Osba, é também curador do festival, trouxe um repertório com grandes nomes da música brasileira como atrações dessa décima edição. 

O festival promete trazer o que há de melhor para uma movimentação social e prestígio nacional da música erudita. A programação durante os cinco dias reúne artistas de peso de diferentes âmbitos musicais. No primeiro dia (04 de março) acontece um recital aberto ao público com Pablo Sàinz-Villegas, maior violonista da atualidade, durante o pôr do sol na Igreja do Quadrado, a partir das 18 horas.

No dia 05 de março, às 20 horas, acontece a primeira parte do concerto Porgy and Bess. O espetáculo musical conta com os solistas: Marly Montoni (Soprano), Ednéia Oliveira (Contralto), Geilson Santos (tenor); Davi Marcondes (Barítono) e participação da cantora e compositora Luedji Luna com seu repertório.

Na quarta-feira (06 de março), a OSBA divide o palco com dois dos mais celebrados instrumentistas do mundo: Pablo Sàinz-Villegas no violão e Cristian Budu no piano, que também toca no quarto dia do festival com um recital. As duas peças escolhidas para ambos são um excelente portal de entrada para a música clássica. Além disso, em celebração do Dia Internacional da Mulher, o tradicional São João sinfônico da Orquestra Sinfônica da Bahia conta com a presença feminina de Mariana Aydar e Lívia Mattos com participação especial da cantora Elba Ramalho. 

O encerramento do festival, no dia 09 de março, ficará por conta do espetáculo Beleza Pura - Caetano Sinfônico, uma homenagem especial ao Caetano Veloso codirigido por Carlos Prazeres e Moreno Veloso, com participações especiais de Mariene de Castro, Moreno Veloso, Lazzo Matumbi, Mãeana e o coletivo Outras Vozes.

Destaque no cenário da música clássica brasileira, a OSBA venceu o Prêmio ‘Profissionais da Música 2023’ na categoria 'Orquestras Sinfônicas', sendo este o reconhecimento de melhor orquestra do país nessa categoria. Carlos Prazeres, um dos mais requisitados maestros brasileiros de sua geração, à frente do corpo de músicos desde 2011, e curador do festival Música em Trancoso, espera proporcionar grandes noites, repletas de música erudita e popular, enaltecendo artistas exponenciais do Brasil e da cena mundial.

Para incentivar a comunidade local, além dos espetáculos no Teatro L’Occitane, paralelamente, é desenvolvido ao longo do festival um programa de atividades que inclui masterclasses e oficinas de música para a comunidade local. A proposta visa movimentar diretamente a comunidade local, gerando postos de trabalho e novas oportunidades aos moradores da região. 

O Festival de Música em Trancoso segue a lei de incentivo à Cultura e é apresentado pelo Ministério da Cultura via patrocínio Santander Brasil. Os ingressos estão disponíveis na plataforma do Sympla e contam com valores especiais para os moradores da região.

Sobre o Música em Trancoso
O Festival Música em Trancoso foi criado para ser um instrumento de transformação cultural para a região. Promovido pelo Instituto Terravista, tem a missão de levar a música para a vida dos moradores de Trancoso e região. O evento cumpre as premissas de que a arte enriquece a cultura, dá suporte e de que a educação é também uma oportunidade para descobrir novos talentos, transformando e realizando sonhos. 

Santander e Cultura

O Santander Brasil acredita, investe e promove o acesso às mais distintas manifestações culturais e a democratização da cultura para a sociedade. Em 2023, o Banco entrou oficialmente no universo da música, patrocinando grandes shows internacionais como o de Alanis Morissette, o primeiro realizado neste território.

Além de patrocinar e promover parcerias com instituições e iniciativas culturais, como Museu do Amanhã (RJ), Festival de Música em Trancoso (BA) e a restauração do Mural Batalha dos Guararapes (PE) e do Museu do Ipiranga (SP), o Santander mantém seus próprios empreendimentos, como os Faróis Santander Porto Alegre e São Paulo, além do Teatro Santander e 033 Rooftop, na capital paulista.

 

Informações para imprensa

Bianca Sorrentino | [email protected]  

Tainara Mistrello | [email protected] 

Barbara Marques  | [email protected] 


 

Este conteúdo foi distribuído pela plataforma SALA DA NOTÍCIA e elaborado/criado pelo Assessor(a):
U | U
U

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://canalcomq.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp