30/01/2024 às 12h02min - Atualizada em 30/01/2024 às 17h03min

Cirurgia plástica no verão exige cuidados especiais

Pele recém-operada é mais sensível ao calor e pacientes devem seguir orientações pré e pós-operatórias

Naves Coelho
Freepik


O verão, conhecido pela temporada de férias, altas temperaturas e dias ensolarados, pode ser uma estação interessante para quem está considerando passar por uma cirurgia plástica e ter o repouso necessário sem se afastar da rotina de estudo e/ou trabalho. Porém, é importante estar ciente dos cuidados especiais que devem ser tomados para garantir uma recuperação tranquila e resultados satisfatórios.

Considerar a possibilidade de períodos mais amenos pode ser uma opção para quem busca minimizar os impactos climáticos na cirurgia. Porém, dados da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica mostram que as cirurgias plásticas no Brasil aumentam em média 20% a cada verão.

Embora o sol traga muitos benefícios para o organismo humano, a ciência já atestou sobre os malefícios com os exageros e descuidos diante dos raios solares. E quando o assunto é pós-operatório de uma cirurgia plástica, o paciente deve ter sua atenção redobrada. É o que explica o Dr. Felipe Villaça, cirurgião plástico da FVG Cirurgia Plástica.

“A exposição ao sol é uma preocupação fundamental ao realizar cirurgias plásticas no verão. A pele recém-operada é mais sensível aos raios ultravioleta, podendo levar a complicações como cicatrizes hiperpigmentadas. O uso regular de protetor solar, conforme orientação do cirurgião, é imprescindível. Além disso, é recomendável evitar a exposição direta ao sol, especialmente durante os horários mais quentes do dia”, orienta o Dr. Felipe Villaça.

Altas temperaturas também podem aumentar a desidratação, situação que pode impactar desfavoravelmente a recuperação pós-cirúrgica. “Manter-se bem hidratado é essencial para promover a cicatrização e reduzir o risco de complicações. Pacientes devem seguir todas as instruções sobre a ingestão de líquidos, adaptando-as conforme a condição climática vigente”, complementa o cirurgião.

Outro fator a se considerar é que o calor pode intensificar o inchaço pós-operatório, tornando essencial adotar medidas para controlá-lo. “Compressas frias, repouso e elevação adequada da área afetada são práticas que ajudam a minimizar o desconforto”, afirma.

Optar por cirurgias plásticas no verão exige uma abordagem consciente e cuidadosa. Os pacientes devem colaborar ativamente com o cirurgião, seguindo todas as orientações pré e pós-operatórias. Ao adotar todos os cuidados relacionados à proteção solar, hidratação e controle do inchaço, é possível aproveitar os benefícios das cirurgias plásticas durante essa estação, tendo tempo suficiente para a recuperação e garantindo um excelente resultado.


Este conteúdo foi distribuído pela plataforma SALA DA NOTÍCIA e elaborado/criado pelo Assessor(a):
U | U
U

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://canalcomq.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp