20/02/2024 às 19h34min - Atualizada em 21/02/2024 às 08h10min

Dengue no Brasil: inteligência geográfica pode auxiliar no combate à doença

Por: Humberto Figlioulo Júnior*

Michelle Segantini
www.img.com.br
Banco de Imagens


A dengue, transmitida pelo mosquito Aedes aegypti, é um desafio significativo de saúde pública globalmente, afetando principalmente regiões tropicais e subtropicais. No Brasil, o primeiro caso foi registrado em 1981, e desde então, a doença tem apresentado uma frequência e intensidade crescentes de epidemias.

O gráfico abaixo revela uma realidade alarmante: o número de casos de dengue no Brasil e no mundo está em ascensão vertiginosa. Em 2024, já foram confirmados mais de 673 mil casos nas Américas, com mais de 200 mil casos apenas no Brasil.

Gráfico    Descrição gerada automaticamente

Gráfico Descrição gerada automaticamente

PAHO – Pan American Health Organization – Dengue Cases


A dengue não é apenas uma doença, é uma ameaça à nossa saúde e segurança. Os sintomas podem ser debilitantes, e a doença pode levar a morte em casos graves. É crucial que tomemos medidas proativas para proteger a nós mesmos e nossas famílias.

Desafios de Saúde Pública

Os principais problemas de saúde pública associados à dengue incluem a sobrecarga dos sistemas de saúde, aumento dos custos hospitalares e perda de produtividade. A doença afeta a qualidade de vida, causando afastamento do trabalho e da escola e criando um estigma social nas áreas de alta incidência.

Mas a responsabilidade não é apenas nossa. As autoridades precisam investir em tecnologia e ações proativas para combater a dengue de forma eficaz. A inteligência Geográfica pode ser uma ferramenta poderosa nesse combate.

Soluções de Inteligência Geográfica na saúde

As tecnologias de inteligência geográfica (IG) surgem como soluções promissoras, permitindo a análise espacial de dados geoespaciais para tomada de decisões mais inteligentes e eficientes. Essas tecnologias são aplicadas no monitoramento ambiental, gestão de recursos naturais, planejamento urbano, saúde e segurança pública.

Na prática, qual seria a contribuição de solução tecnológicas no cenário atual da dengue no Brasil:
  • Mapear precisamente os focos de mosquito, podendo identificar com precisão os locais de maior risco, direcionando as ações de combate à dengue de forma mais eficiente.
  • É possível gerar alertas e campanhas personalizadas. Com isso, a população poderia receber alertas e informações sobre os riscos de dengue em suas áreas, além de dicas personalizadas de prevenção.
  • Monitorar de forma constante por meio de dados georreferenciados, podendo acompanhar a evolução da doença e identificar novos focos de mosquito permitindo ações preventivas mais eficazes.
Recursos e Desafios

O Brasil conta com o apoio do Ministério da Saúde, secretarias estaduais e municipais de saúde para combater a dengue, incluindo a coordenação de ações, distribuição de inseticidas e materiais educativos, e capacitação de profissionais. Desafios como o controle do mosquito Aedes aegypti, falta de recursos e resistência da população às medidas de prevenção persistem.
Exigir mais das autoridades é nosso direito e nossa responsabilidade. Juntos podemos construir um futuro mais saudável e seguro para todos.

A integração de soluções de inteligência geográfica no combate à dengue apresenta um potencial significativo para reduzir a incidência da doença e seus impactos na saúde pública. O investimento em pesquisa, desenvolvimento de novas tecnologias e a participação ativa da população são essenciais para o sucesso das estratégias de combate à dengue.
Este artigo destaca a importância de soluções inovadoras e integradas, enfatizando o papel crucial da inteligência geográfica e das tecnologias emergentes no combate à dengue, promovendo uma abordagem colaborativa entre governos, setor público, empresas, e a sociedade em geral para enfrentar esse desafio de saúde pública.

A luta contra a dengue é um compromisso de todos. Vamos juntos fazer a diferença!

*Especialista de marketing de produtos e verticais na Imagem Geosistemas
 
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://canalcomq.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp