22/02/2024 às 14h41min - Atualizada em 24/02/2024 às 00h08min

ESG: Quick House está construindo a sede da COP30 em Belém, no Pará; modelo construtivo próprio dispensa água, cimento e argamassa e reduz emissões de CO2

Empresa brasileira também vai participar da International Builders Show, em Las Vegas, onde concorre ao prêmio de melhor produto de tecnologia do ano

Leonardo Scheuer / Roda Viva Comunicação
Quick House


A Quick House está construindo a sede da 30ª Conferência da ONU sobre Mudanças Climáticas (COP30) que acontece em Belém, no Pará, em 2025. O sistema construtivo Steel Panel, aliado à agenda de sustentabilidade do evento, é um método próprio de construções modulares, que consiste na utilização de placas de aço, dispensando o uso de cimento e argamassa, reduzindo o consumo de água, energia e emissão de CO2. O projeto da COP30 inclui ainda placas solares, captação e reaproveitamento de  águas  pluviais, materiais de acabamento e mobiliários com baixo impacto ao meio ambiente.
 
“Com a participação na COP30, a Quick House reafirma sua missão de revolucionar a indústria da construção, garantindo que cada projeto contribua para um mundo mais sustentável e habitável. Com a tecnologia avançada de um sistema construtivo que prioriza a eficiência e a sustentabilidade, estamos não apenas erguendo um espaço para discussões vitais sobre o clima, mas também demonstrando o potencial da construção civil moderna em harmonia com o ambiente”, destaca o CEO da empresa, Luciano Lopes.
 
A união entre tecnologia e sustentabilidade também rendeu a indicação do sistema Steel Panel ao prêmio de “Melhor Produto de Tecnologia do Ano”, na categoria material de construção tecnológico e inovador. A premiação vai ocorrer durante a International Builders Show (IBS 2024), maior feira de construção do mundo, em Las Vegas, nos Estados Unidos, de 27 a 29 de fevereiro, onde a empresa irá expor alguns de seus produtos.
 
O modelo Steel Panel é patenteado no Brasil e nos Estados Unidos. De acordo com Lopes, a empresa recebeu um certificado emitido pelo Condado de Miami-Dade County, que atesta a resistência do sistema construtivo contra furacões na categoria 5. "Esse sistema representa uma solução singular que está redefinindo os padrões da indústria da construção. Estamos ansiosos para demonstrar como nossas placas de aço estão moldando o futuro da construção e estamos determinados a trazer este prêmio para o Brasil", afirma.

No Brasil, a Quick House é responsável por grandes construções. No Rio de Janeiro, a tecnologia permitiu que em 90 dias fosse entregue e inaugurado o Restaurante Popular da Central do Brasil, maior do gênero na América Latina, com 3 mil metros quadrados de área construída. Em Florianópolis o tempo foi recorde: 42 dias entre início das obras e entrega da escola Darcy Ribeiro, também com 3 mil metros quadrados.
 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://canalcomq.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp