02/01/2024 às 08h46min - Atualizada em 03/01/2024 às 00h00min

André Paixão lança álbum multifacetado que valoriza o lado compositor de grandes bateristas

Pessoal e coletivo, “Fora do Ritmo” é registro histórico de parte da música brasileira

Daniel Corrêa
Pino Gomes


O músico André Paixão lançou no dia 1º de janeiro de 2024 o álbum “Fora do Ritmo”, um trabalho multifacetado que reúne grandes bateristas brasileiros para interpretar canções compostas por Paixão. O disco, que é fruto de um processo de produção de 13 anos, é um registro histórico de parte da música brasileira das últimas décadas.

Ouça “Fora de Ritmo”: https://ingrv.es/fora-do-ritmo-bzf-s 

“Eu pensei em reunir grandes artistas que se expressam pela bateria mas que sabia que poderiam acrescentar muito pro repertório. O nome vem do fato que queria que os artistas trouxessem algo novo para as músicas que separei pro repertório. Estar fora do ritmo aqui funciona estar dentro da canção”, conta André. “Aqui não tem solos ou malabarismos percussivos, mas tentativas de inserir um instrumento muitas vezes associado à parte rítmica aos caminhos melódicos da canção. A vida inteira cresci com meus ídolos bateristas mirabolantes, com solos intermináveis, e acabei me ligando, com o passar do tempo na bateria como elemento de composição e nesses artistas que mais representam esse lado menos virtuoso e mais ‘cancioneiro’.”

Nas baquetas do álbum estão o saudoso mestre do samba Wilson das Neves, grandes nomes da cena do rock alternativo como Pupillo, Leonardo Monteiro (Acabou la Tequila) e Bacalhau (ex-Planet Hemp); Rodrigo Barba, conhecido pelo seu trabalho com o Los Hermanos; Guto Goffi, do Barão Vermelho; Dany Roland, que fez história com o Metrô; e nomes de destaque dos últimos anos, como Domenico Lancellotti e Marcelo Callado.

“Esse trabalho é um encontro gigante entre artistas que admiro, fazendo música autoral, sem regras, dogmas. Sempre digo e parafraseio o que se diz por aí: ‘A música é um lugar de encontros’. E o ‘Fora do Ritmo’ representa essa celebração para mim. Este álbum é praticamente um longa metragem da minha trajetória, pois atravessou diferentes momentos da minha vida e, provavelmente, da turma que participou, em certos aspectos, pois continuamos em contato com nossas andanças e mudanças”, conta ele.

“Fora do Ritmo” não é apenas um conceito musical; é uma filosofia que abraça o ensaio, a experimentação e a liberdade criativa. André Paixão convida o ouvinte e cada músico a participar desse movimento, onde o respeito à canção coexiste com a liberdade de explorar o momento presente.

“Sinto uma forte assinatura minha nesse trabalho. Ele diz muito sobre mim, meus pensamentos, minhas idéias, às vezes, coisas que nem eu sei explicar por que estão ali e que foram aceitas conscientemente por mim sem satisfação. Se você gosta do álbum, então talvez você goste de mim, quem sabe. Se você conhece bem sobre as músicas que estão nele, talvez você passe a conhecer um pouco mais”, conclui André, que é compositor, produtor, designer de áudio, cantor e músico e agora já sonha em levar esse álbum para os palcos com o mesmo olhar plural do estúdio.

O álbum está disponível em todas as plataformas via Super Discos.


Este conteúdo foi distribuído pela plataforma SALA DA NOTÍCIA e elaborado/criado pelo Assessor(a):
U | U
U

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://canalcomq.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp