02/01/2024 às 12h32min - Atualizada em 03/01/2024 às 17h16min

Parceria Novvalight e Botafogo S/A: nova iluminação e propaganda na camisa

O novo sistema será inaugurado em janeiro de 2024.

Cesar Augusto Sampaio
novvalight.com.br
Divulgação Botafogo Futebol S/A


A Novvalight, fabricante brasileira de luminárias industriais, fechou parceria com o Botafogo Futebol S/A e será responsável pela reestruturação de todo sistema de iluminação do estádio Santa Cruz/Arena Nicnet Eurobike, na cidade de Ribeirão Preto, interior de São Paulo. Com o projeto, o clube se adequará as exigências de iluminação esportiva da Confederação Brasileira de Futebol (CBF). O novo sistema será inaugurado em janeiro de 2024, em partida contra o Santos, pela primeira rodada do Campeonato Paulista.  A data e o horário do jogo ainda dependem de confirmação da Federação Paulista de Futebol. Por conta da parceria, a Novvalight estampará sua marca na barra das costas da camisa do Botafogo S/A durante o torneio.

O projeto envolve retrofit da iluminação, revitalização de painéis elétricos, análise estrutural das torres, instalação e focalização dos projetores e emissão de laudos técnicos. Serão instalados 96 novos projetores de LED, garantindo o alcance de níveis de iluminância muito mais elevados e com 73% de economia no consumo de energia.

"O Estádio Santa Cruz/Arena Nicnet Eurobike terá uma iluminação de última geração, com ganhos de eficiência, facilidade de manutenção e projeção calculada sem impactos negativos no meio ambiente. O novo sistema permitirá a programação de horários de acendimento e a redução de potência, o que proporcionará  diminuir o consumo de energia”, explica o CEO da Novvalight, Roberto Payaro.

"Fico muito feliz com a concretização dessa parceria, já que melhorar a iluminação do estádio era um desejo antigo. Queremos modernizar cada vez mais a nossa casa para proporcionar uma nova experiência aos torcedores", disse Adalberto Baptista, presidente do Conselho de Administração da Botafogo Futebol S/A.

Antes e depois - A iluminação anterior do estádio era constituída por sistema convencional de lâmpadas de vapor metálico, de 2.000W cada, instaladas em projetores sob torre. O sistema anterior possuía um consumo maior, gerado através de uma relação de eficiência luminosa (lm/W) inferior em relação a solução LED integrada, além de apresentar pontos como baixa vida útil, alta necessidade de manutenção, elevada perda ótica e índices de IRC e espectrometria relativamente menores. “Com a troca para solução LED, atingimos níveis de iluminância elevados. Alcançamos também  um aproveitamento ótico completo, obtido através de um conjunto de refletor; lente em PMMA e vidro. Nossas peças ainda contam com IRC70, vida útil de 100.000h, e manutenção facilitada por sistema future-proof, que nos possibilita trabalharmos com componentes substituíveis”, destaca Payaro.


Comparação antes x depois

. Sistema anterior

30 projetores com lâmpadas 2000W de vapor metálico por torre 

Potência total por torre: 60.000 W/torre

120 projetores lamp. 2000W total

Potência total: 240.000W

Potência específica 33,61 W/m2

 

. Novo sistema

Utilizado 24 EVERLED G3 PRO, de 1006W por torre
96 unidades total/obra

Potência específica 8.95 W/m2

Potência específica Iluminotécnica 1.03 W/(m2 * 100lx)

Eficiência energética 96.91 (m2*lx)/W

Potência total utilizada 63.928 W

Potência total por torre (4): 25.440 W/torre


Este conteúdo foi distribuído pela plataforma SALA DA NOTÍCIA e elaborado/criado pelo Assessor(a):
U | U
U

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://canalcomq.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp