25/03/2024 às 19h48min - Atualizada em 26/03/2024 às 00h10min

Na maré contra a inadimplência, software é capaz de reduzir em até 80% a falta de pagamentos escolares de responsáveis

Por Felipe Ferreira, CEO da Proesc*

Júlia Silva de Lira
Felipe Ferreira, CEO da Proesc.com_Crédito Divulgação PinePR


 

Combatendo a carência de soluções financeiras para a gestão escolar, o Proesc Pay promove agilidade na gestão, segurança nas transações e possibilidade de emitir boletos em tempo real 

 

A falta de comprometimento financeiro é um desafio enfrentado por muitas instituições de ensino. Segundo um levantamento realizado pelo Serasa, o atraso em matrículas e mensalidades no Brasil permanece crescendo, e o indicador de falta de pagamentos, aponta mais de 70 milhões de brasileiros com o nome restrito. “Estamos em 2024, não tem como escolas deixarem a digitalização de lado quando podem ter melhorias reais e valiosas por meio da inovação. Vimos na tecnologia uma excelente forma de auxiliar pais e responsáveis que estão com pendências, e conseguimos desenvolver uma ferramenta capaz de reduzir em até 80% a inadimplência escolar e que permite a geração de mais receita oferecendo diversas opções de pagamento”, explica Felipe Ferreira, CEO da Proesc, edtech amapaense que desenvolve soluções inovadoras de gestão para instituições de ensino.

 

Indicado pelo CEO como o aliado ideal para evitar a inadimplência, o Proesc Pay é uma valiosa ferramenta que é capaz de diminuir em 5x o retrabalho dos gestores, economizando o tempo gasto em documentos e relatórios manuais. Além disso, a novidade permite a facilidade do recebimento de mensalidades com a geração da segunda via do boleto bancário, com atualização de valor e data de vencimento, além de enviar notificações aos responsáveis por diversos canais sobre a data de quitação da mensalidade. 

 

“O pagamento recorrente é uma forma de cobrança automatizada que possibilita que as escolas recebam as mensalidades periodicamente, em datas previamente definidas, diretamente na conta dos alunos. Esse método é realizado por meio de um cartão de crédito associado à conta do aluno no sistema de gestão escolar”, informa o CEO da Proesc. 

 

Uma dentre as grandes parcerias de sucesso da edtech com o novo software, é o Colégio NEI do Amapá. Um ano após implementar os serviços financeiros da Proesc, reduziram mais de 86% das dívidas em aberto e alcançaram o marco de apenas 8% de inadimplência escolar. Com a redução, a escola pôde investir em infraestrutura e ampliar espaços internos. “O uso de tecnologias tem auxiliado gestores a terem uma visão 360° de seus negócios e apoiado na tomada de decisões estratégicas que impulsionam a instituição a melhorar o seu ensino, infraestrutura e produtividade pedagógica, o Colégio NEI é um ótimo exemplo disso”, afirma Ferreira.

 

Como funciona: passo a passo

Quando o pagamento recorrente é configurado, o valor é debitado automaticamente do cartão do aluno na data estipulada, garantindo que sejam realizados de forma pontual e sem a necessidade de cobranças adicionais. Nesse modelo de cobrança, as chances de atrasos são significativamente reduzidas, pois as mensalidades são cobradas automaticamente na data de vencimento. 

 

É possível mencionar também a facilidade que o produto oferece para os pais e responsáveis, propondo mais comodidade no momento de embolsar, além de agilidade na gestão e segurança nas transações. Dessa forma, as transações realizadas por meio do sistema de gestão escolar online como o do Proesc são seguras e protegidas, garantindo a confidencialidade dos dados dos alunos e otimizando o tempo gasto com relatórios de faturas.

 

“Além de resolver problemáticas da escola, muitas vezes esse recurso facilita a vida de pais e responsáveis que não precisam se preocupar com efetuar a compensação do boleto em determinados prazos”, pontua o CEO. 

 

Sobre a  Proesc.com:

Fundada em 2008 no estado do Amapá, a Proesc.com oferece a plataforma de gestão escolar on-line mais inovadora do mercado, com funcionalidades completas para as áreas acadêmica, pedagógica e financeira, como o E-class, aplicativo focado em atividades pedagógicas online e ensino híbrido, e o Proesc Pay, aplicativo focado na automação da gestão financeira das escolas, que reduz em até 80% a inadimplência escolar. A edtech que já contempla mais de 1.500 unidades escolares, visa proporcionar integração, segurança e otimização nos processos diários de uma escola. Seguindo o objetivo de expandir o negócio, em 2023 a amapaense levantou a sua primeira captação no valor de R$8 milhões, em rodada seed liderada pelo fundo Square. Para saber mais, acesse o site da empresa



 

INFORMAÇÕES PARA A IMPRENSA

Júlia Lira - [email protected] 

Gabriela Andrade - [email protected] 

Vanessa Ratti – [email protected] 

Ivan Netto – [email protected]  


 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://canalcomq.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp