27/03/2024 às 16h24min - Atualizada em 28/03/2024 às 00h10min

Arauco entrega cheques simbólicos a associações de Piên e Jaguariaíva, no Paraná

Doação garante realização de projetos sociais liderados por Apae, AMA, Casmi e Despertando Estrelas

Gabriela Dobner
Divulgação/Arauco


A Câmara de Vereadores de Piên, no Paraná, foi palco de cerimônia que marcou a entrega simbólica de cheques a três instituições locais por meio do Programa Social da Arauco, empresa referência global nos setores de celulose, produtos de madeira, reservas florestais e bioenergia.

Arauco vem realizando diversas iniciativas focadas na responsabilidade social com o objetivo de contribuir com o desenvolvimento a longo prazo nas localidades onde está presente, em linha com um de seus valores “Bom Cidadão – respeitamos o meio ambiente e criamos valor para as comunidades do nosso entorno”. Foram contempladas Apae (Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais), AMA (Associação de Amigos do Autista) e Despertando Estrelas.

A Apae recebeu uma doação de R$ 94.265,00 direcionada ao projeto "Felicidade não tem idade - Fase I". Este programa visa promover a interação entre pessoas idosas, fortalecendo vínculos e contribuindo para a saúde física e psíquica dos participantes, com o apoio do Fundo Municipal do Idoso.

A Arauco destinou R$ 206.515,00 à AMA para os projetos "Cuidando de quem AMA" e "AMA + IDADE Fase II". Eles têm como foco garantir terapias essenciais para crianças autistas e promover a integração de idosos por meio de atividades especiais, com o suporte do Fundo para a Infância e Adolescência e do Fundo Municipal do Idoso.

Despertando Estrelas foi contemplado com R$ 124.970,00, destinados aos projetos "Envelhecer, a Arte da Vida" e "Escolinha de futebol". O primeiro busca fortalecer o Clube de Mães da Associação, enquanto o segundo visa o desenvolvimento de crianças e adolescentes por meio do esporte educacional, priorizando atividades lúdicas. Ambos recebem apoio do Fundo Municipal do Idoso e da Lei de Incentivo ao Esporte.

No encerramento do evento, a Arauco foi homenageada pela Secretaria de Educação, que destacou o papel fundamental da empresa na conquista do título de "Cidade Educadora" para Piên. A secretária Municipal de Educação de Piên, Clarice de Fátima Fragoso, enfatizou o progresso significativo na área da educação, com a Arauco desempenhando um papel crucial na Formação Continuada de Professores e no apoio a projetos de captação de recursos por meio de incentivo fiscal.

“Ao longo dos anos, trabalhamos no desenvolvimento das instituições de Piên e Jaguariaíva, com o objetivo de estruturar projetos na região, pensando no desenvolvimento local. O momento oportunizado pela entrega simbólica de valor, recorde de aporte nestas cidades, é importante para nos aproximar das instituições e demais partes interessadas, bem como para evidenciar o impacto positivo causado nas centenas de vidas envolvidas”, Maíra Gonçalves da Luz Pereira, coordenadora de ESG Madeiras da Arauco.

Marise Negrelli Koehler, coordenadora da Associação Despertando Estrelas, afirmou que o apoio da Arauco contribui para uma sociedade melhor. “O apoio da Arauco aos nossos dois projetos nos fortalece e nos faz acreditar que estamos no caminho certo, pois por meio da convivência e fortalecimento de vínculos construímos uma sociedade melhor. Estes recursos nos proporcionam condições para qualificar nossos atendimentos e atender à nossa demanda de forma mais positiva.”

JAGUARIAÍVA

No dia 7 de março, foi a vez do Centro de Assistência Social Maria Imaculada (Casmi), em Jaguariaíva, receber a entrega simbólica de um cheque no valor de R$ 112.970,00. A doação foi destinada ao projeto "Vida em um click", que capacita adolescentes e jovens na arte da fotografia, utilizando recursos tecnológicos, aplicativos móveis e plataformas colaborativas.

O projeto, realizado em parceria com a Arauco, visa ensinar técnicas fotográficas em diversos segmentos, proporcionando uma visão diferenciada do cotidiano para os 35 jovens da comunidade local. A iniciativa, apoiada pelo Fundo da Infância e do Adolescente, recebeu elogios da coordenadora Simone Leite Cunha, que ressaltou a oportunidade de resgatar jovens sem ocupação em seu contraturno escolar.

“O curso nos proporcionou a oportunidade de resgatar jovens que não têm ocupação em seu contraturno escolar. Ele tem a função de abrir horizontes e promover uma abordagem diferenciada para o cotidiano de 35 jovens, proporcionando-lhes um olhar diferente sobre suas realidades”, afirmou.
 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://canalcomq.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp